18 de dezembro de 2011

CANÁRIOS DE PORTE DE "A a Z" FIORINO


País de origem: Itália

Com origem em Florença, Itália, o Canário Fiorino terá sido apresentado pela primeira vez num evento realizado em Bolonha em 1980.

O Fiorino, que surge do cruzamento entre Frisados do Norte com tamanho curto e Canários Poupa Alemão, é um canário relativamente recente pois surgem os primeiros exemplares já padronizados por volta de 1990, ficando para trás várias experiências com cruzamentos entre Frisados do Norte de pequeno tamanho e Glosters, sendo o mentor desta raça o Dr.Livio Susmel.

Não sendo ainda muito divulgado o Fiorino é uma ave viva de pequeno porte, tem 13 cm de tamanho, e existem com e sem poupa, devendo o seu acasalamento correcto ocorrer entre uma ave com poupa e a outra sem poupa; no fundo olhando para um canário Fiorino sem poupa é quase vermos um Frisado do Norte miniatura.

Aos poucos esta pequena ave tem vindo a conquistar adeptos em Portugal.

 Nota: Esta pequena introdução, (não vinculativa) tem como base uma pequena pesquisa feita pela Internet suportada na leitura de vários textos

Foto extraída do site, brasileiro, do colega Criadouro Kakapo






Actualmente o Standard Canário Fiorino, aprovado pela C.O.M., é o seguinte:

TAMANHO E FORMA
Volumoso. Boa forma, bem cheia. 13 cm, com proporções perfeitas.
Pontuação: 15.

CABEÇA E PESCOÇO
Poupa: Redonda e regular; simétrica. Ponto central da poupa bem ao centro do crânio; olho visível.
Consort: Cabeça larga, lisa e redonda, com sobrancelhas visíveis.
Pescoço: Liso, bem distinto, com ou sem pequena zona desnudada.
Pontuação: 15.

POSIÇÃO
Erguida; corpo e cauda formando um ângulo de 55º com a horizontal.
Pontuação: 10.

PLUMAGEM
Sedosa e volumosa. Lisa no abdómen.
Pontuação: 10.
MANTO E OMBROS
Bem desenvolvido e simetricamente repartido sobre o dorso.
Pontuação 10.

ALETAS
Volumosas, simétricas, levantadas até à parte superior dos ombros.
Boa implantação como os outros frisados ligeiros.
Pontuação: 10.

JABOT
Simétrico, volumoso, em forma de concha fechada.
Pontuação: 10.

ASAS
Regulares, completas e bem aderentes ao corpo.
Pontuação: 5.

PATAS E COXAS
Longas, bem emplumadas, dedos e unhas sólidas.
Pontuação: 5.

CAUDA
Curta e estreita. São admitidas penas de galo.
Pontuação: 5.

CONDIÇÃO
Limpo, activo e em boas condições de saúde.
Pontuação: 5.

COR
São admitidas todas as cores.

Gaiola de exposição: Gaiola de cúpula com dois poleiros de 12 mm, distanciados 6 arames.

Sem comentários:

Enviar um comentário