14 de janeiro de 2012

CANÁRIOS DE PORTE DE "A a Z" FRISADO GIGANTE ITALIANO (AGI)


País de origem: Itália

Este canário, originário de Itália, é sem dúvida o gigante da canaricultura pois o seu comprimento mínimo é de 21 cm. e creio que tem em comum com o nosso canário, arlequim português, a particularidade de ver ratificada a sua raça em Portugal, neste caso no Campeonato Ornitológico Mundial de 2001.

Trata-se de uma raça de canários em que ainda não é fácil encontrar-se informação detalhada que permita fazer a apologia da mesma com alguma base; a única certeza é que esta raça surge por selecção do cruzamento do Frisado Parisiense, com outras raças inglesas de grande porte que durante alguns anos foram sendo aperfeiçoados até atingir o porte hoje reconhecido.

Independentemente do seu tamanho o AGI é um canário com alguma vivacidade e apesar do ar pesadão que a plumagem lhe dá, quem olhar bem de perto esta para esta ave quase que parece sentir o ar majestoso e imponente que sobressai da sua postura.

Este verdadeiro gigante entre os canários, o AGI, tem indefectíveis apreciadores e já se vêem exemplares de grande qualidade em alguns certames, sobretudo nos de índole internacional.

Fotos de autor desconhecido e publicadas em diversos sites


Nota: Esta pequena introdução, (não vinculativa) teve como base uma pequena pesquisa feita pela Internet suportada na leitura de vários textos.

Atualmente o Standard do Canário Frisado Gigante Italiano, aprovado pela C.O.M., é o seguinte:

CABEÇA E “GOLA”
A característica que mais distingue o A.G.I. é a “gola realçada” que, em forma de “caleira”, assume harmoniosamente à frente o aspeto de um babete elevando-se na região da nuca.
A cabeça, arredondada e muito volumosa, com um bico cónico largo na base e um pescoço rodeado de plumas dirigidas para o alto, é coberta por frisados que dão ao conjunto uma forma de “capuz” completo ou parcial.
Pontuação: 15.

ALETAS
Bem desenvolvidas, curvadas para cima sem decaimento, aproximam-se vaporosamente e simetricamente das asas.
Pontuação: 15.

TAMANHO
Comprimento mínimo de 21cm.
Aspeto harmonioso.
Pontuação: 10.

PLUMAGEM
Suave e fina, muito volumosa e composta.
Pontuação: 10.

MANTO E “BOUQUET”
Manto com penas largas, muito estendidas que tombam para a frente e sobre os lados a partir de uma zona central do dorso formando um frisado harmonioso e muito vaporoso em forma de roseta.O pequeno “Bouquet” vaporoso sobre o uropígio completa o manto.
Pontuação 10.

“JABOT” E ABDÓMEN
No Jabot, as penas convergem para cima, formando um “avental” até à zona próxima da “gola” sem formar cavidade.No abdómen, as penas são orientadas para cima e unem-se ao "jabot" sem formar espaços vazios. O abdómen tem uma superfície muito ondulada.
Pontuação: 10.

CAUDA
Homogénea, robusta, muito longa e direita de extremidade quadrada. 
Com numerosas penas de galo longas e largas.
Pontuação: 10.

POSIÇÃO
Formando 60º com o poleiro.
Altiva e possante com a cauda alinhada com o tronco ou ligeiramente cadente.
Pontuação: 5.

ASAS
Regulares e robustas, bem implantadas e não descaídas. Admitindo-se uma ligeira sobreposição das pontas.
Pontuação: 5.

PATAS
Grossas e robustas, segurando-se fortemente no poleiro.
Unhas retorcidas ou com tendência a retorcer-se.
Pontuação: 5.

CONDIÇÃO GERAL
Boa saúde, limpeza e atitude vigilante.
Pontuação: 5.

COR
São admitidas todas as cores.

Gaiola de exposição: Gaiola grande com dois poleiros de 14 mm, distanciados 10 arames.

1 comentário:

  1. This looked so interesting that for the first time, I translated it. I did understand a few things, like giant is easy to get. I have never translated anything before, thinking it would be difficult or time consuming, but it went very well. Thanks for this informative post.

    ResponderEliminar